quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Desabafo....

Não tem como não negar..
O medo me visita todos os dias, todas as noites...

As perguntas que não saem da minha cabeça e que ninguem pode me dar as respostas.
Faltando pouco menos de 70 dias, 67 para ser exato. Miguel vai estar entre nós.. O depois? Quem sabe? 
 ** Eu gostaria de saber.. rs
Estou aprendendo a viver um dia de cada vez; aprendendo a olhar o céu e ver que toda hora não é mais o mesmo céu de uma hora atrás... Aprendendo a saber respirar e expirar.. A sentir o vento a brisa...e principalmente, e ter paciencia e amor.
Eu estou vivendo os 7 meses mais felizes da minha vida... Miguel é realmente um anjo.
Agradeço a todos pelas orações... pelas amizades.... pelo carinho... Por tudo! O meu muito obrigada!


Mas na verdade, o meu desabafo de hoje.. é outro.
Como estou cansada com os médicos.. esgotada na verdade.... Por mim, não iria mais no médico, só no dia do parto....
Esses médicos.. estão virando verdadeiras máquinas. Aquilo de leram e estudaram anos e anos, para sempre será o certo para eles... Estão esquecendo da vida, do amor e da fé que SIM pode mover montanhas.

Eles ao se formarem, fizeram um juramento que cuidariam de seus pacientes como se fosse a vida deles... Fariam de tudo, lutariam contra a morte e tambem a desafiam varias vezes.
Mas, aonde está tudo isso agora?? Aonde está a luta para a vida de um bebê com acrania? Ou anencefalo? Ou microcefalia? Aonde está essa determinação de lutar para viver? AONDE?
A medicina está tãão avançada... Por que não acreditar?
A verdade é que médicos que olham com a alma, não existem mais... ou, se existem são poucos e raros! Joia rara!
Nesta segunda, tive dores e febre, meu gine pediu para que eu fosse ao PA. fazer exame de urina para ver se não estava com infecção, pedra no rim.. fiquei com medo tb pensando que o Miguel quisesse nascer aquele momento com as dores. Mas graças a Deus ele está bem, como sempre FIRME E FORTE. Mas, quem disse que aquilo era um CONVENIO? Parecia SUS. O médico que estava aquela hora simplesmente não olhou para minha cara, não transmitiu amor, odio, tranquilidade, tristeza ou qualquer outro tipo de emoção. Eu me senti em frente a um ROBÔ! Perguntou o que estava fazendo alí, contei tudo, as dores, o que meu gine tinha pedido e simplesmente, ele deu o potinho de urina e pediu para que eu me retirasse e esperasse 1 hora e meia para o exame ficasse pronto.
COMO ASSIM? EU ESTOU PAGANDO, quero dizer, meus pais estão pagando, O CONVENIO, MEDICOS BONS PARA UM BOM ATENDIMENTO..... Mas quem disse que tivemos isso? 
Pois é.. até no convenio, temos "médicos maquinas".
Isso me deixou mto triste... tenho medo na hora do parto.. como vão reagir ao meu bebê... na verdade, não quero nem imaginar... rs Como disse, um dia de cada vez, e isso basta!
Bom, no exame não deu nada... estou bem e Miguel tb.. pulando e saltitando!!!! FELIZ!

***


O varal, já cheio de roupinhas do meu pequenoo.... que lindddo... já posso senti-lo aqui no meu colo, me fazendo mtoooooooooo feliz!

Agradeço novamente o apoio e o grupo de oração dos amigos!""

Beijossss...

4 comentários:

  1. Camila
    Temos q viver um dia por vez mesmo, a Palavra de Deus diz isso. Preocuparmo-nos c/ o dia de amanhã não vai resolver nada, muito pelo contrário, só nos trará angústia.
    Qdo tudo parecer incerto, dobre os joelhos e converse c/ Deus, Ele vai te dar segurança.

    Tudo de bom pra vcs. Estou ansiosa pra ver o Miguel!
    Bjuus

    Cris, mãe do Vinícius Reizinho

    ResponderExcluir
  2. camila minha flor! nossa caminhada nao é facil, temos que lutar todos dias para manter a paz e a alegria e transmitir isso aos nossos bebes, olha eu tbem passei um sufoco com medicos, confesso que fiquei quase 3 meses sem ir no medico quando estava gravida.. como a gente conversou, cada dia de consulta é um dia de tristeza...desejo muita forca pra voce, seja forte, tente ser feliz, como voce disse, um dia de cada vez, com certeza o dia do parto vai chegar, mas nao pense muito nisso agora, tente ficar bem! um beijao...a gente conversa..bjuuu

    ResponderExcluir
  3. Oi querida, não fique tão nervosa nen ansiosa,tenho a certeza que dara tudo certo...E sobre o que tu está vendo dos médicos é só o inicio eles não acreditam em nossos filhos especiais,e isso pode ser sus ou particular tanto faz são poucos até hj que olhou para minha menina com outros olhos,com amor;mas esxiste alguns anjos ainda nos tivemos médicos anjos que nos salvaram ,quando vários deseganavam..Mas a verdade é quem vai ter de lutar é você ,para mostrar para eles que seu bebê vai viver e vai ficar bem com sua diferença,por que ele é muito amado do jeito que é..E nunca exite em brigar,gritar,chorar para que escutem sua opinião na maioria das vezes sabemos mais que os proprios médicos...Marca o que estou te falando,pois será mãe,emfermeira,fisioterapeuta,fonodiologa entre outras coisas vais ser mãe altamnete especial 24hs po dia...Bjnhos Força e Fé...

    ResponderExcluir
  4. Fernanda Villas - Pote de Palavras8 de setembro de 2011 19:25

    É verdade, hj em dia os médicos veem as pessoas como objetos, a vida como um nada. Isso me decepciona cada vez mais.

    Beijos para o bebê mais guerreiro do mundo!

    Deus abençoe sempre!

    ResponderExcluir